- Jorge Da Silva - http://www.jorgedasilva.blog.br -

“ATIRA PRIMEIRO E PERGUNTA DEPOIS…” (II)

.

ERREI

Escrevi o “post” anterior (sobre o episódio em que policiais vitimaram o juiz e seus filhos) no dia 7. Afirmei ali que os policiais aprendem a realizar abordagens nas academias e escolas de polícia e que, portanto, a tragédia não decorria de mero despreparo, como era a conclusão da maioria das pessoas. Errei. Oriundo que sou da polícia, como poderia imaginar que os dois policiais, como alegam, jamais tivessem recebido instrução sobre como abordar veículos numa “blitz”? E que pelo menos um deles só tenha dois meses na polícia? Se forem verdadeiras essas alegações, trata-se de um fato extremamente grave.

Bem, os dois estão presos, sob a acusação de tentativa de homicídio. Lamentável, ademais da tragédia, é que só os da ponta da linha sejam responsabilizados. E a responsabilidade institucional? E a responsabilidade de quem decidiu que os dois PMs estavam “prontos” (devidamente formados e treinados para o serviço policial)? E a responsabilidade de quem planejou a operação? E o que vão dizer quando acontecer de novo?