foto de Jorge Da Silva

Jorge Da Silva é cientista político. Doutor em Ciências Sociais pela UERJ e professor-adjunto / pesquisador-visitante da mesma universidade. Professor conteudista do Curso EAD de Tecnólogo em Segurança Pública (UFF - CEDERJ / CECIERJ). Criado no hoje chamado Complexo do Alemão, no Rio, serviu antes à PM, corporação em que exerceu o cargo de chefe do Estado-Maior Geral. Foi também secretário de Estado de Direitos Humanos/RJ. É vice-presidente da LEAP Brasil ('Law Enforcement Against Prohibition Brazil' (Agentes da Lei Contra a Proibição)).

Ver perfil

Os conteúdos dos textos deste Blog podem ser usados livremente. Pedimos, no caso, que sejam consignados os devidos créditos, com a citação do autor e da fonte.

 



 

 

INAUGURAÇÃO DA PRIMEIRA UPP DA ZONA NORTE, MORRO DO BOREL

Deixe seu comentário

 

Nesta segunda-feira, 7 de junho, foi inaugurada a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro do Borel, na Tijuca. O G1 de O globo informou: “Esta é a primeira unidade da Zona Norte da cidade”. Não quero entrar no mérito da questão. Desejo apenas lembrar o que publiquei em “posts” anteriores. Pode ser coincidência, mas tenho a pretensão de achar que a estranheza que então manifestei, e que outras pessoas manifestaram, possa ter ajudado as autoridades a também pensar na “periferia” da cidade, se é que não tinham pensado antes. Aí vai trecho do que publiquei em “post” de 5 de dezembro de 2009 (http://www.jorgedasilva.blog.br/?p=786), no qual “chamei a atenção para a contradição de decisão governamental em face do drama vivido pela população da Grande Tijuca e adjacências”:

[…] Há pouco mais de um mês, traficantes da área chegaram ao cúmulo da ousadia: abater um helicóptero da polícia, matando dois PMs. E continuam lá, impondo o terror inclusive no “asfalto”. Solução: instalar uma “Unidade Pacificadora” em Ipanema, no Morro Pavão-Pavãozinho-Cantagalo. E mais duas, prometidas para a Ladeira dos Tabajaras e o Morro dos Cabritos, também em Copacabana (e Lagoa). Quanto a estas últimas, o Sr. governador mandou um recado: “Já estou avisando para os traficantes irem embora para não haver mais problemas”. Pergunte-se: Irem embora para onde? Para os morros da Tijuca? Ou os do Alemão? Vão permanecer soltos?

De qualquer forma, valeu!, como dizem os jovens do hoje.

Deixe seu comentário   |    Imprimir este post Imprimir este post    |   


Envie o comentário


0/Limite de 1800 caracteres

Add video comment